Por Rafa Silva

O petismo deveria ser catalogado como doença crônica ou incurável. Se você duvida, cheque as declarações do ativista Leonardo Stoppa, que viraliza vídeos na lacrosfera vermelha divagando sobre absurdos que surgem em sua caixola.

A lógica de Stoppa é simples. Como ninguém consegue encontrar a fortuna desviada por Lula, “nem mesmo a Interpol e a Polícia Federal”, então o mesmo é um “gênio do crime”, portador de uma inteligência muito superior. Assim, possui todas as credenciais para governar um país como o Brasil – e conta com o apoio de Stoppa para isso.

Com ou sem delação do Odebrecht, enquanto a polícia federal, FBI, CIA, James Bond ou qualquer outro investigador não me disser onde Lula enfiou o dinheiro, continuo acreditando em Lula.

Posted by Leonardo Stoppa on Monday, April 17, 2017

Gostamos do raciocínio. Dessa forma, Stoppa defenderia Al Capone para presidente dos Estados Unidos e Pablo Escobar para presidente da Colômbia.

COMENTÁRIOS