A ordem é massacrar o povo, atirar no rosto e no peito diz desertor da Guarda Bolivariana

Um membro da GNB (Guarda Nacional Bolivariana), que desertou e obteve a proteção do exército da Colômbia, declarou que Nicolás Maduro ordenou o massacre do povo:

“O governo quer massacrar o povo … a ordem é massacrar o povo … massacrar a população e mantê-los presos”

Mais cedo, um outro desertor da GNB, que também foi acolhido pela Colômbia, fez a seguinte declaração:

“A ordem é para atirar nas pessoas, especificamente nos órgãos vitais … temos ordens para atirar no rosto e no peito”

Cerca de 60 desertores da GNB já cruzaram a fronteira Venezuela/Colômbia e pediram refúgio no país vizinho.

O EXPRESSO DIÁRIO É UMA MÍDIA ALTERNATIVA CONSERVADORA PARA QUEM BUSCA INFORMAÇÕES PRECISAS E INTERPRETAÇÕES EQUILIBRADAS DOS PRINCIPAIS FATOS DO BRASIL E DO MUNDO. CURTA É GRÁTIS!

ASSINE O EXPRESSO DIÁRIO, É GRÁTIS

DEIXE UM COMENTÁRIO