Assista: Odebrecht tratou diretamente com Lula questão do sítio em Atibaia

Ex-presidente do Conselho de Administração do grupo, Emílio Odebrecht revelou em sua delação que a tratou diretamente com Luiz Inácio Lula da Silva sobre a reforma do sítio em Atibaia (SP), alvo de processo judicial pelo qual o ex-presidente responde.

De acordo com o pai de Marcelo Odebrecht, Marisa Letícia, mulher de Lula, procurou Alexandrino Alencar, ex-executivo da empreiteira delator da Lava Jato, para pedir que ele a ajudasse a terminar a reforma do sítio. Era o final do mandato do ex-presidente e a ex-primeira-dama queria “fazer uma surpresa” para Lula.

Emílio revela ter se encontrado mais tarde com o petista no Palácio do Planalto, em Brasília, onde disse: “Olha, presidente, vamos conseguir entregar a tempo aquele ‘programa’ lá no sítio”, se referindo ao pedido de d.Marisa. O ex-presidente não fez comentário, mas “não teve surpresa”, segundo Emílio.

Ele revelou também que a obra foi meramente para “concluir o que outros começaram”, e que o custo inicial que Odebrecht aprovou foi de R$ 400 mil, mas que acabou superando os R$ 700 mil.

DEIXE UM COMENTÁRIO