Bolsonaro anuncia possível ministro da Fazenda

Pré-candidato disse que a questão é um "namoro" ainda, e não um "noivado"

O deputado e pré-candidato à presidência Jair Bolsonaro afirmou que está em fase de “namoro” em suas conversas com o economista Paulo Guedes para integrar o Ministério da Fazenda em seu governo, caso seja eleito.

“Eu busquei quem foi crítico de planos econômicos, plano Cruzado, plano Real com a ressalva da questão fiscal, foi convidado a participar do governo do PT e recusou. Não existe ainda um noivado ainda, é só um namoro. É o Paulo Guedes”, disse ele no fórum Amarelas ao Vivo, de Veja.

Paulo Guedes é economista com PhD pela Universidade de Chicago, nos Estados Unidos, e foi um dos fundadores do banco Pactual. Atualmente, preside o grupo de investimentos Bozano.

Bolsonaro afirmou que ambos se encontraram duas vezes para conversar sobre economia, mas ressaltou que a aproximação é “um namoro, ainda não é um noivado”.

O deputado também se disse “um pouco diferente”, mais cobrado do que o normal, por ter tido a “humildade de dizer que não entendia de economia”.

Ele costuma responder às questões sobre macroeconomia afirmando que é seu ministro quem vai precisar entender do assunto, e não ele, como possível presidente.

JORNALISMO DE QUALIDADE MERECE SER APOIADO, CURTA O EXPRESSO DIÁRIO NO FACEBOOK E ACOMPANHE AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES

COMENTÁRIOS