Eunício nega que Senado vote ‘pautas-bomba’ para afetar o próximo governo

O presidente do Senado, Eunício Oliveira, negou que o reajuste dos subsídios dos ministros do Supremo Tribunal Federal e da procuradora-geral da República tenha o objetivo de afetar o próximo governo.

Ele disse estar aberto a discutir com o presidente eleito, Jair Bolsonaro, as pautas e o Orçamento do próximo ano.

GOSTOU DESTA NOTÍCIA? ENTÃO CURTA E COMPARTILHE, É GRÁTIS!

ASSINE O EXPRESSO DIÁRIO, É GRÁTIS

COMENTÁRIOS