Em vídeo, muçulmanos defendem o uso de uma “haste” para agredir mulheres

0

Apesar de todas as cenas e provas de que o Islã está longe de ser uma religião de respeito e paz, ainda existem pessoas capazes de defender que o Islã é uma religião que não busca o confronto e, acima de tudo, que respeite todos pessoas.

Bem, isso é muito difícil de acreditar, especialmente vendo muçulmanos britânicos defendem o uso de uma haste para atacar as mulheres e, portanto, “disciplinar.”

O vídeo, feito pelo partido político ultranacionalista Grã-Bretanha, em primeiro lugar, mostra vários muçulmanos destilando sua falta de respeito para com as mulheres.

A mulher fala diretamente a um trabalhador islâmico que está no escritório tentando espalhar a palavra de Deus: Eu queria saber o que você acha da ideia de que o Islã tem sobre as mulheres, diz ele.

Polémico vídeo en el que un musulmán defiende en Inglaterra que hay que agredir a las mujeres para disciplinarlas. Toda la info: http://casoaislado.com/musulmanes-defienden-uso-una-varilla-agredir-las-mujeres/

Posted by Caso Aislado on Saturday, July 15, 2017

No Alcorão lemos: Se a mulher for arrogante lança-a para fora da cama , acrescentado ao que as respostas islâmicos: Nós respeitamos a mulher. Nós batemos só se você fizer algo errado. Depois que mostra uma vara para uma mulher ali presente.

Sem dúvida, este vídeo mostra que o Islã está longe de ser uma religião capaz de viver entre os europeus. As informações são do site Caso Isolado.

CURTA O JORNAL EXPRESSO DIÁRIO NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS