Haddad debate oposição a Bolsonaro e quer ir aos EUA processar o WhatsApp

Senadores e deputados do PT se reuniram nesta quarta-feira, no Congresso, com Fernado Haddd, candidato do partido derrotado nas eleições presidenciais de outubro. Haddad comentou como deve ser a atuação do partido na oposição ao governo Jair Bolsonaro.

Haddad afirmou que a defesa dos diretos civis pode agregar inclusive alguns partidos de direita. Na próxima semana, Fernando Haddad começa pelos Estados Unidos uma série de viagens ao exterior.

A articulação com grupos de centro-esquerda e progressistas internacionais, como disse ele, será a outra frente de atuação da legenda. Ele disse que estuda um processo contra a empresa whatsapp na Justiça americana.

Ainda durante o segundo turno da campanha eleitoral, o Tribunal Superior Eleitoral abriu, a pedido do PT, uma ação para investigar o uso de disparos em massa de mensagens por meio das redes sociais, com informações falsas sobre o candidato petista.

Siga o EXPRESSO DIÁRIO no TWITTER e acompanhe todas as notícias em tempo real.

A suspeita é de que empresários estariam financiando indiretamente a campanha do agora presidente eleito Jair Bolsonaro. Outros partidos da oposição não participaram do encontro da bancada do PT.

Amauricio Borba

Formado em Economia, Jornalismo e Ciências Políticas pela UNIVILLE – SC. Gaúcho de nascimento e catarinense de coração. Conservador de direita em defesa da ética, da liberdade de expressão e por um Brasil mais justo. Apaixonado por vendas é fundador do Jornal Expresso Diário
Amauricio Borba